23 março, 2014

Resenha: "Livros extras - Harry Potter" - Quadribol através dos séculos, Animais Fantásticos e onde habitam e Os contos de Beedle o Bardo



Acho que todo mundo sabe que minha maior paixão nesse mundo (Depois de Deus e Família) é Harry Potter, e para alegria de muitos fãs, esses 3 livros "extras" de Harry Potter nos fazem sentir parte da história. São livros escritos por "bruxos", lidos por eles, e vividos por nós.


Quadribol Através dos Séculos

O livro é dividido nas seguintes partes: Sobre o Autor; Prefácio de Alvo Dumbledore; A evolução da vassoura voadora; Os jogos antigos com vassouras; O jogo do brejo de Queerditch; A chegada do pomo de ouro; Preucações antitrouxas; Mudanças no quadribol a partir do século XIV (Campo, Bolas, Jogadores, Regras e Juízes); Times de quadribol da Grã-Bretanha e da Irlanda; A disseminação do quadribol pelo mundo; A invenção da vassoura de corrida; O quadribol hoje.
 
Assim como “Animais Fantásticos & Onde Habitam” e “Os Contos de Beedle, o Bardo”, “Quadribol Através dos Séculos” é um deleite para qualquer fã da série de Harry Potter, uma oportunidade de vivermos por mais alguns minutos no tão mágico mundo criado pela J.K. Rowling. Além disso, neste exemplar iremos encontrar ilustrações que alimentarão mais ainda a imaginação do leitor.
 
Animais Fantásticos e onde Habitam

Quer se aprofundar no estudo das criaturas mágicas? Este é o seu livro.

 J.K. Rowling (Com o Pseudônimo de Newt Scarmander) criou tipo uma enciclopédia das criaturas que são citadas nos livros da saga Harry Potter. Isso é uma das coisas que eu mais admiro em J.K., a riqueza de detalhes na história. Tem horas que dá pra acreditar que o mundo mágico de Harry Potter realmente existe.

 Neste pequeno livro (pequeno mesmo), conhecemos mais das criaturas mágicas. Como vivem, do que se alimentam, qual sua utilidade e qual seu perigo, a classificação que o ministério da magia dá, e muitas outras informações. Conhecemos também, um pouco da história da magia, e a luta por dignidade de algumas criaturas.


 E o que ganha mais destaque no livro é que ele é uma cópia do próprio livro do Harry! Isso é muito legal.Tem anotações hilárias do Ron nas páginas, que deixam o livro muito mais divertido.



Os contos de Beedle, O Bardo

O livro de Rowling traz cinco “histórias populares para jovens bruxos e bruxas”, mas que, com as notas explicativas da autora, podem ser perfeitamente lidas pelos “trouxas” (como Rowling se refere às pessoas sem poderes mágicos, como nós). Nessas notas, Rowling esclarece alguns termos próprios do mundo dos bruxos como, por exemplo, “inferi”, que, “são cadáveres reanimados por magia”.

No mundo dos bruxos, Beedle, poder-se-ia dizer, tem a importância do escritor dinamarquês Hans Christian Andersen e suas histórias se assemelham em muitos aspectos aos nossos contos de fada. Aliás, seus contos tiveram o mesmo destino dos nossos contos de fadas, ou seja, caíram no gosto das crianças e, como lemos no prefácio do livro, são usualmente contadas antes de dormir. Ademais, como afirma Rowling, nesses contos, assim como costuma acontecer nos contos de fadas, “a virtude é normalmente premiada e o vício castigado”.

Nos contos de Beedle, no entanto, a magia nem sempre é tão poderosa quanto se pensa: seus personagens, apesar de serem dotados de poderes mágicos, não conseguem resolver seus problemas somente com magia. As histórias mostram, desse modo, que ao contrário do que se pensa, a mágica pode tanto resolver quanto causar problemas ou pode também não ter efeito nenhum.


Minha história preferida é claro, O conto dos 3 irmãos, minha tatuagem é referente a esta história.


Espero que tenham gostado, eae, alguma de vocês ja leu?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desenvolvido por: Mariely Abreu | Todos os direitos reservados ©. voltar ao topo